sexta-feira | 21.06 | 3:11 PM

Atualização cadastral do cartão SUS é obrigatória para ter acesso à 1ª dose da vacina contra Covid-19 em Salvador

0Comentário(s)

Foto: Divulgação/Ministério da Saúde

A atualização da situação cadastral do cartão SUS é obrigatória para ter acesso à primeira dose da vacina contra Covid-19 em Salvador. Para evitar a formação de filas e gerar lentidão nos postos de vacinação, a Secretaria Municipal da Saúde orienta que antes de se dirigir aos pontos de imunização, é necessário conferir se o nome consta na lista do site da pasta, na Relação de Adultos Elegíveis para Vacinação – https://www.saude.salvador.ba.gov.br/ .

Caso o nome não esteja na lista, o recadastramento pode ser feito online no endereço eletrônico recadastramento.saude.salvador.ba.gov.br ou presencialmente nas Prefeituras-Bairros mediante agendamento prévio. Só após esse processo, os cidadãos elegíveis deverão se dirigir aos locais de vacinação.

“Temos registrado uma quantidade significativa de pessoas que procuram os pontos de imunização sem a atualização cadastral. Isso acaba impactando no fluxo da estratégia e torna o processo de imunização mais lento. A recomendação é que as pessoas verifiquem se o nome consta na lista antes ir ao ponto de vacinação. Se não estiver na lista, basta realizar o recadastramento online ou agendar presencialmente em qualquer unidade das Prefeituras-Bairro da cidade”, explicou Leo Prates, titular da Saúde de Salvador.

Até o momento, mais de 2,5 milhões de moradores da capital já realizaram o recadastramento obrigatório do cartão do Sistema Único de Saúde SUS. Desse total, cerca de 1,7 milhão de atualizações foram efetuadas através do site www.recadastramento.saude.salvador.ba.gov.br, implantado em 2020 pela Secretaria Municipal da Saúde.

Salvador ultrapassou a meta estabelecida pelo Ministério da Saúde de realizar a atualização cadastral de pelo menos 70% da população que vive na cidade. Cerca de 84% dos moradores do município já fizeram o recadastramento.

Foto: Secom/Secretaria Municipal de Saúde

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *