segunda-feira | 15.04 | 1:15 AM

#LeiAldirBlanc – Festival Música em Movimento – Move celebra produção musical baiana a partir desta sexta-feira (20)

0Comentário(s)

Foto: Divulgação/Secult

Festival Move – Música em Movimento ganha edição virtual entre os dias 20 e 29 de agosto, com uma programação gratuita que conta com uma série de shows, oficinas e encontro sobre música. No terceiro ano, o FESTIVAL CAYMMI DE MÚSICA passa a se chamar FESTIVAL MÚSICA EM MOVIMENTO – MOVE, estreia em formato virtual gratuito e tem lançamento oficial nesta sexta-feira (20). A edição deste ano conta com os shows de dez artistas baianos: Marcola Bituca, Zuhri, Jordi Amorim, Sonora Amaralina, Panteras Negras, Ana Barroso, Joana Terra, Tangolo Mangos, Dona Iracema e Lívia Nery. O Festival Move – Música em Movimento foi selecionado no Prêmio das Artes Jorge Portugal 2020 – 1ª Edição – Premiação Aldir Blanc Bahia, tem apoio financeiro do Estado da Bahia através da Secretaria de Cultura e da Fundação Cultural do Estado da Bahia (Programa Aldir Blanc Bahia) via Lei Aldir Blanc, direcionada pela Secretaria Especial da Cultural do Ministério do Turismo, Governo Federal.

Promovido pela Via Press Comunicação, o festival é dedicado a fomentar, reconhecer e revelar a nova produção musical baiana, fortalecendo a cadeia produtiva da música no estado. A programação acontece através do canal do festival no YouTube, disponível no https://bit.ly/festivalmove. Os shows serão exibidos entre os dias 27 e 29 de agosto, sempre a partir das 19h. Os artistas foram selecionados através de uma curadoria técnica, formada pela cantora Manuela Rodrigues, pelo jornalista Luciano Mattos e pelo músico e professor associado da Escola de Música da UFBA, Rowney Scott. A direção musical é de Yacoce Simões.

Na sexta-feira (27), a partir das 19h, o grupo Zhuri apresenta ao público o show que mistura no repertório jazz e rap. Depois o guitarrista, baixista, arranjador e pesquisador baiano Jordi Amorim apresenta o show com as canções do seu disco lançado em março, Serendip. Encerrando o primeiro dia do festival, o rock da banda Dona Iracema ganha o palco virtual do Move. No sábado (28), o cantor Marcola Bituca, que em março lançou o EP Cavalo de Troia e no dia 20 de agosto lança o EP La Travessia, abre a programação às 19h. Depois dele, é a vez de Ana Barroso, que está trabalhando o disco Cisco no Olho, comandar o segundo show da noite. Terceira e última atração deste dia, a banda de orquestra instrumental de cumbia, Sonora Amaralina, também terá seu show exibido no festival.

Encerrando o Move, no domingo (29) quatro atrações apresentam seus shows ao público. Joana Terra, vencedora do Prêmio Grão de Música de 2020, assume o palco virtual às 19h. Logo depois a banda soteropolitana que flerta com diferentes gêneros musicais, destacando-se rock clássico, MPB e música regional nordestina, alinhados numa estética sonora ligada à psicodelia, Tangolo Mangos apresenta o show. O dia conta ainda com a apresentação da primeira banda instrumental negra LGBTQI+ do mundo, Panteras Negras. Encerrando o festival, o último show exibido será o da cantora Livia Nery.

O projeto é realizado pela Via Press Comunicação, com direção geral de Elaine Hazin, e conta também com uma série de oficinas gratuitas sobre a indústria da música, ministradas por nomes de destaque nacional na área, que acontecem em ambiente online. Abrindo a agenda, nesta sexta-feira (20), às 15h, o premiado produtor musical Alê Siqueira, o jornalista e crítico musical Sérgio Martins, um dos nomes mais relevantes na cobertura de música no país, o produtor, arranjador e diretor musical Yacoce Simões e a advogada que atua com Direito do Entretenimento, Música e Audiovisual e Gestão de Direitos Autorais, Verônica Aquino, se encontram na mesa de debates online Encontro Música em Movimento, que marca o lançamento oficial do Move. A proposta é fazer uma reflexão de como a tecnologia tem transformado os diversos cenários musicais, especialmente em tempos de pandemia, e tratar dos novos rumos do mercado, formando uma forte rede entre artistas, músicos, público e produtores. Curadores do festival, Manuela Rodrigues e Rowney Scott também marcam presença no encontro.

No dia 23 de agosto (segunda-feira), às 19h, Sérgio Martins assume o canal do festival no Youtube para uma oficina com o tema Como entender a grande mídia no âmbito do mercado musical. No dia seguinte, terça-feira (24), Alê Siqueira comanda uma oficina de Produção Musical às 15h. Na quarta-feira (25), às 19h, Yacoce Simões lidera a oficina sobre Produção de Conteúdo Musical Durante a Pandemia. Encerrando a agenda dos encontros sobre música, no dia 26 (quinta-feira), às 19h, Verônica Aquino fala sobre Música, Direitos Autorais e os Desafios do Digital.

Para Elaine, ao ir para o ambiente virtual, o festival possibilita que um público mais amplo tenha acesso ao trabalho de artistas locais: “A nossa ideia, ao realizar neste ano em ambiente online respeitando todas as orientações necessárias para conter o avanço da pandemia, é a de contribuir para que esses artistas tenham uma plataforma de divulgação dos seus trabalhos. Acreditamos que será possível abranger um público maior, as pessoas vão poder conhecer a nova música da Bahia em casa, em segurança. E ao mesmo tempo movimentar a cena, incentivar a produção de artistas e profissionais da área que tiveram seus trabalhos afetados pela pandemia”. Entre os shows, Hazin comandará entrevistas com os artistas, que poderão se aprofundar mais em temas como seus processos criativos e a divulgação dos trabalhos autorais.

Sobre a mudança do nome, Elaine explica que abre um leque maior de possibilidades de homenagens a outros artistas marcantes para a música: “Esse é um nome que a gente já tinha adotado como um tema em edições anteriores. A ideia é ampliar a possibilidade de ter outros artistas homenageados, sobretudo por ser um projeto baiano, um estado essencialmente musical, e ser um festival que tem abrangência nacional, potencializando a nossa produção artística para todo o país”.


SERVIÇO

Festival Música em Movimento – Move
Quando: 20 a 29 de agosto de 2021
Onde: Canal no Youtube – Festival Música em Movimento https://www.youtube.com/channel/UCgmRlimWnLfKwY94PWY59BA

Fonte: Ascom/Secult

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *