sexta-feira | 21.06 | 2:33 PM

Cadela que sofria maus-tratos volta a confiar em humanos após receber amor

0Comentário(s)

Uma cachorrinha com o dia marcado para a eutanásia é resgatada e passa por uma verdadeira mudança de vida. Na última quarta-feira, 4, Chelsea Elizabeth Cossairt que reside em Seattle, Washington, Estados Unidos, fez um emocionante relato da transformação da sua cachorrinha.

Clementine, como foi carinhosamente chamada, foi resgatada no mês de janeiro, há dois dias da eutanásia. A peludinha estava em péssimas condições com várias doenças, sem a metade dos pelos e com mau cheiro devido às feridas do corpo.

Por sorte, o amor lhe encontrou e a salvou do triste fim e com muitos banhos medicinais diários, alimentação e acompanhamento médico, a cachorrinha começou a prosperar. Contudo, a confiança nos humanos demorou a acontecer.

Passaram-se sete meses desde a sua adoção e a transformação física e emocional foi significativa. As infecções foram resolvidas, ela tem feito tratamento de imunoterapia para suas mais de 60 alergias e conseguiu estabelecer laço de afeição.

A pequena ainda possui traumas do seu triste passado – e acredito que demorará para superá-los -, mas já se rende aos abraços e carinhos. A cada pequeno passo de superação, a família se enche de alegria e orgulho da cadelinha. E em sete meses de convívio, Clementine ganhou o coração dos seus donos e dos seus dois irmãos caninos, que também são frutos de um resgate.

Agora, a família está na expectativa de vê-la daqui mais sete meses. E como será que ela estará? Com certeza ainda mais feliz, pois merece. Amadinha!

A americana – emocionada com tamanha mudança e grata por ter tido tempo de resgatá-la – deixa um recado:

Ajudar faz bem pra alma e não há alegria maior do que ver o sorriso/transformação de alguém que estendemos a mão.

Fonte: Amo meu pet

Foto: Facebook/Chelsea Elizabeth Cossairt 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *