segunda-feira | 15.07 | 6:30 AM

A Igreja que veio para a Bahia dentro de um navio

0Comentário(s)

Igreja de Nossa Senhora da Conceição da Praia. Uma das mais belas e antigas igrejas do Brasil. Chegou à Bahia, dentro de um navio, sendo encomendada de Portugal. Localizada no bairro do Comércio, Cidade Baixa, em Salvador, próxima do Mercado Modelo e do Elevador Lacerda.

A primitiva igreja foi construída, junto com a fundação da cidade de Salvador, em 1549. Construída a mando de Tomé de Sousa, o Primeiro Governador Geral do Brasil. Inicialmente era de taipa e coberta de palha.
É uma igreja pré-fabricada com blocos numerados. Os blocos de pedras de lioz eram fixados com chumbo.

Nas escadarias internas do templo podemos ver as numerações dos blocos pré-fabricados. Deu muito trabalho para ser montada, bloco por bloco, sob a supervisão do engenheiro Manuel Cardoso da Saldanha. A atual igreja começou a ser construída em 1736. Inaugurada em 1765. Concluída em 1849.

Coisas do Centro: a história do Elevador Lacerda


A história do bairro Santo Antônio Além do Carmo

Um dos pontos mais belos da histórica igreja é a nave que possui uma pintura deslumbrante, datada de 1772. A pintura é da autoria de José Joaquim da Rocha, considerado o maior pintor do barroco brasileiro.
Na secular Igreja de Nossa Senhora da Conceição da Praia foi sepultada Irmã Dulce, em 1992.

Depois, os restos mortais do “Anjo Bom da Bahia”, hoje Santa Dulce dos Pobres, foram transferidos para a Capela do Hospital Santo Antônio, na capital baiana.

Uma informação muito preciosa: no fundo da igreja atual, encontramos preservada a segunda capela construída no início do século XVIII. Uma preciosidade histórica da nossa Bahia!

*Adson Brito é professor de História com formação em Psicologia e Filosofia. Texto reproduzido da página do Facebook Salvador Tem Muitas Histórias, mantida por ele.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *